sábado, 23 de julho de 2011

Sirius Frank

Depois de destruir meu Sirius em um encontro por causa de interferência de rádio fiquei sem DLGs. Como termos competições em breve, reformei a fuselagem que não tinha quebrado tanto.
Como queria usar leme (o Sirius era fixo) e a emprenagem estava bem detonada refiz tudo usando balsa 1/8" levíssima (70kg/m^3) e fibra de vidro de 60g/m^2. Primeiro cortei no formato e em seguida lixei o aerofolio, por experiência um aerofolio bem lixado reduz o peso da peça em 30% no profundor e 25% no leme. Resolvi fazer o profundor um pouco maior do que o convencional para evitar colocar tanto lastro no nariz.

Laminei a fibra em um plástico grosso e prensei contra a balsa usando pesos (note  o EVA de 2mm entre a peça e placa de madeira com os pesos, isso ajuda a distribuir a pressão e melhora o acabamento final). No leme usei algumas tiras de carbono flat de 12K para reforço. Só descobri depois que a tinta da caneta azul que usei para marcar o plástico se dissolvia na resina e fica rosa, lição aprendida...
O peso não é tão bom quanto de estabilizadores de espuma (uns 20% a mais) mas fica muuito mais resistente.Talvez com uma fibrinha mais fina consiga empatar.
As asas foram compradas no rcgroups de um construtor (http://www.rcgroups.com/aircraft-sailplanes-fs-w-100/), basicamente perfil AG com casca de Kevlar e carbono em 45°. O acabamento é bom e o peso excelente. Abaixo todos os materiais usados para unir os paineis, carbono, resina, copinho, palito, luvas e microballons que são usados na região dos parafusos:

Usei servos Dymond-D47 (http://www.rc-dymond.com/index3.php?categoryID=17) para o modelo todo, inclusive ailerons. O espaço para o servo foi feito usando uma Dremel e uma fresinha que comprei aqui: www.widgetsupply.com


O resultado foi muito satisfatório, 284g (20g a menos que o Sirius original) e um modelo muito gostoso de pilotar. Em tempo calmo tenho feito 1:40, acho que consigo aumentar um pouco usando pre-set de leme para  subida e claro treinando mais o braço...